10 videogames recomendados para este verão

videojuegos_verano
Visto 6.150 veces

A chegada do verão significa férias, desligar do trabalho, sol, praia e descontração, mas também momentos de tempo livre em que pode se dedicar aos passatempos de que não pôde desfrutar ao longo do ano. A temporada estival é, para muitos fãs dos videogames, um momento ideal para se atualizarem. Se é o seu caso, aqui tem dez títulos recomendados.

The Elder Scrolls V: Skyrim – Dawnguard
Bethesda Softworks. PC, PS3, XBox 360.

O título mais aclamado pela crítica nesta temporada. RPG da escola ocidental, é o que está mais em voga nesse momento. Magia e espada clássica com uma tremenda profundidade que permite viver uma vida paralela repleta de aventuras, intrigas, e se transformar num lendário paladino ou num simples guerreiro. Tudo se passa na tumultuosa época do ressurgimento dos dragões e da ascensão do seu descendente, Dovakhin, e do seu grito de guerra, “Fus Do Rah”. Dawnguard, lançado esta semana, é a primeira expansão do título, que acrescente novas missões, montadas, armas e inimigos. Se centra na Guarda de Alba, uma irmandade que tem de deter a cólera dos vampiros.

Lollipop Chainsaw
Grasshopper Manufacture. PS3, XBox 360

Uma animadora adolescente, uma motosserra e uma invasão zumbi de um instituto foi tudo de que necessitou o excêntrico realizador japonês Goichi Suda para parodiar os antigos filmes de terror de série B. Sob esta superfície irreverente encontramos um jogo de ação bastante completo e que oferece uma grande quantidade de movimentos especiais e combinações para a sua sensual protagonista, que também se pode vestir com roupas, trajes e uniformes cada vez mais provocadores que o jogador terá de desbloquear à medida que avança no jogo. Não faltam os chefes, diálogos explícitos, nem mutilações, mas gravas de uma forma multicolorida, com arco-íris, luzes e purpurina, uma paródia tão grande como o próprio conceito do jogo.

UEFA EURO 2012
EA Sports. PC, PS3, XBox 360

FIFA 12 é o título futebolístico mais forte desta temporada, superando novamente o seu competidor, Pro Evolution Soccer, graças a um motor gráfico de nova geração, com um sistema de colisões capaz de reproduzir adequadamente o comportamento físico das disputas de bola entre um lateral e um extremo. Concebido como DLC, ou conteúdo de download pago, a expansão UEFA EURO 2012 acrescenta ao FIFA 12 – adquirido previamente – as cores e ambiente do Campeonato da Europa, com plantéis atualizados, equipamentos oficiais para as principais equipas e novos modos de jogo, como Expedição, para levar uma equipa ao título continental renovado pela Espanha na última edição.

Batman: Arkhak City, Edição Jogo do Ano
Rocksteady Studios. PC, PS3, XBox 360

As últimas adaptações de super-heróis para videogames ganharam uma reputação infame. Nunca ninguém alcançou o nível de triplo A como Batman: Arkham Asylum já faz há duas temporadas. A sua sequela, Arkham City, eleva a escala do Sanatório Arkham a uma cidade inteira criada como prisão de criminosos, malfeitores e supervilões da editora DC. Alternando entre Bruce Wayne e Batman, e com a ajuda de uma Catwoman que também regressa na segunda parte de “O Cavaleiro das Trevas” no grande ecrã, o jogador terá de impedir um plano do Coringa para envenenar toda Gotham City através do abastecimento de água, segundo o guião de Paul Dini. A edição Jogo do Ano reúne todo o conteúdo disponível por download, como trajes alternativos para o Batman – dos anos 70, de vários álbuns ou do mesmo filme de Nolan – a Catwoman e a presença de Robin, para além da expansão A Vingança de Harley Quinn, um epílogo dramático.

Gravity Rush
SCE Studio Japan. PS Vita

A nova máquina da SONY, PS Vita, teve um arranque progressivo tanto a nível de vendas como de títulos de qualidade disponíveis que motivem os jogadores a adquirir a portátil de nova geração tecnologicamente mais evoluída do momento. Reedições como Rayman Origins, Metal Gear Solid HD ou Ninja Gaiden elevaram a fasquia, mas nenhuma o fez como a produção do Japan Studio da própia SONY por detrás da qual se encontra o criador de Silent Hill, Keiichiro Toyama. Com um cuidado estético próximo do dos desenhos animados, e com um conceito que desafia as próprias leis de Newton, Gravity Rush se converteu no melhor videogame para a PS Vita. Kat, a sua jovem e amnésica protagonista, tentará recuperar suas memórias ao mesmo tempo que descobre que consegue manipular a gravidade.

Diablo III
Blizzard Entertainment. PC

Outro clássico mítico que regressa em força este ano. Após Diablo II e a sua expansão, Lord of Destruction, 8 anos depois a Blizzard decidiu ressuscitar o Senhor do Mal naquele que foi o lançamento com maior impacto social e econômico na indústria dos videogames. O colecionismo, a cooperação entre quatro jogadores, a compra e venda de objetos componente cooperativo entre 4 jugadores, compra y venta de objetos através de leilões com dinheiro real são as chaves do seu êxito. Um clássico do rato e do teclado que requer uma ligação permanente à Internet para poder jogar, como medida de proteção anti-cópia.

Max Payne 3
Rockstar Vancouver. PC, PS3, XBox 360

O atormentado detetive da Polícia de Nova Iorque bateu no fundo: excesso com álcool e drogas e remorsos e sentimentos de culpa que o perseguem até ao quarto de um motel barato no Brasil, onde um Max gordo e careca busca a sua autodestruição. Um emprego como capanga e uma história de narcotraficantes, sequestros e poder com uma temática adulta, são os elementos que a Rockstar combinou neste jogo de ação na terceira pessoa, digno herdeiro dos clássicos lançados para PC pela Remedy, adaptados pela Houser a consolas e que terminou com Mark Walhberg como protagonista da adaptação cinematográfica. Só o seu modo de história já valeria a pena, mas a experiência do jogo é alargada a um modo de multi-jogadores na Internet.

Super Street Fighter IV Arcade Edition
Capcom. PC, PS3, XBox 360

O principal jogo de combate dos salões de videogames e das máquinas de moedas cumpre este ano o seu 25º aniversário. Street Fighter se tornou um dos maiores ícones da cultura dos videogames. O seu regresso, com Street Fighter IV, ressuscitou a cena dos jogos de combate, e última revisão, Arcade Edition 2012, acrescenta novos personagens, um reajuste dos golpes de todos eles, e detalhes para seguir na Internet os jogadores mais habilidosos da comunidade. Mantendo a essência e a facilidade de controlo de Street Fighter II, SSFIV é o melhor do seu gênero, e é recomendado tanto para peritos do gênero como para novatos que querem recordar os seus êxitos nos anos 90 com Ryu e Ken. E para além disso, está disponível por um preço reduzido.

Resident Evil: Revelations
Capcom. 3DS

Os zumbis, o T-Virus e o velho saber de uma aventura de terror – ou Survival Horror – que Resident Evil traz aos videogames, e que os fás reclamavam que se havia perdido, é resgatado em Revelations, mais focado na exploração e resolução de puzzles e sustos. Lançado para a Nintendo 3D, a protagonista é uma das ex-STARS mais carismáticas, Jill Valentine, numa missão pelo Mediterrâneo onde também trabalhará com Chris Redfield, outro dos favoritos do público. O jogo incorpora o segundo analógico para Nintendo 3DS, um acessório que se liga à consola tridimensional e que melhora o seu controlo.

Uncharted 3: A Traição de Drake
Naughty Dog. PS3

Uncharted é uma das séries de novas que mais rapidamente se consagraram no mundo dos videogames. Este exclusivo para PlayStation 3 encerra uma trilogia com a busca de Nathan Drake pela Atlântida das Arenas, a cidade perdida conhecida como Ubar, nos desertos da Arábia, persiguindo novos tesouros. É o final de uma das melhores trilogias de que desfrutámos nesta geração. Ação, exploração, guião e cenas impressionantes ao estilo de Hollywood, gráficos tremendamente avançados, e sobretudo um modo multijogador melhor equilibrado e desenhado, fazem de Uncharted 3 o jogo que todos os usuários de PS3 deveriam experimentar.

 

Nacho Ortiz
Jefe de Redacción
Meristation

Deixe uma resposta

MENU
Leer entrada anterior
Uma viagem fantástica

Quer percorrer o mundo e se alhear da realidade durante um par de minutos? Temos a certeza de que o...

Cerrar