5 maneiras de utilizar as histórias do Instagram enquanto empresa

Instagram_campañas_850jpg

No início de agosto de 2016, o Instagram adicionou às suas funcionalidades a possibilidade de publicar stories, em português “histórias” (fotografias ou vídeos), que só ficariam disponíveis na plataforma durante 24 horas a partir do momento da sua publicação. Esta iniciativa surpreendeu muitas pessoas, já que era exatamente esta a proposta do Snapchat, com a qual tinha obtido tanta popularidade desde o seu lançamento, em 2011.

A verdade é que o Instagram não deu ouvidos aos detratores e, a cada dia que passa desde o lançamento das suas histórias, continua a fortalecer-se graças aos milhões de utilizadores que utilizam essa importante funcionalidade. Se utiliza o Instagram mas ainda não obteve os resultados que se propôs, pode ver aquí como conseguir mais seguidores nesta rede social.

Por outro lado, se está a utilizar o Instagram de maneira eficiente, mas ainda não se atreveu a experimentar esta funcionalidade, este pode ser o momento certo para o fazer, uma vez que foram adicionadas novas opções de utilização bastante atrativas. As histórias do Instagram são uma ferramenta genial quando se sabe tirar partido delas e, se ainda não sabe como fazê-lo, seguem-se cinco maneiras de usar as histórias do Instagram a favor da sua marca.

1.- As histórias são uma forma de estar presente

Como se trata de uma publicação que se apagará em 24 horas, pode aproveitar a funcionalidade para conteúdos um pouco mais espontâneos. As histórias não precisam de uma pré-produção tão pensada com as publicações tradicionais, mas há tantas ferramentas para as embelezar que pode transformar uma coisa simples numa publicação extremamente chamativa numa questão de minutos.

Eis algumas das coisas que pode fazer nas histórias:

  • Publicar fotografias e imagens de qualquer tamanho, captadas no momento ou previamente.
  • Publicar vídeos (que não excedam os 10 segundos) filmados no momento ou guardados na memória do seu telemóvel.
  • Pode adicionar GIF, textos, emoticons, gatafunhos, stickers e tudo o que quiser para personalizar ainda mais as suas publicações.
  • Usar filtros e efeitos audiovisuais predeterminados para as imagens e/ou vídeos a publicar.
  • Gravar e publicar clips com a aplicação Boomerang, que tira uma série de fotografias de rajada para depois as combinar e mostrar em formato de vídeo.
  • Incluir informação relevante como a sua localização, a temperatura, etiquetas, hora, entre outros.

Resultado de imagen de boomerang instagram

Uma vez publicada a história, esta aparecerá na parte superior da aplicação dos seus utilizadores. Se uma pessoa vir a sua história, da próxima vez que publicar outra, aparecerá entre as primeiras sugestões, o que fará com que o seu conteúdo tenha mais possibilidades de ser visto.

As histórias das contas que os utilizadores mais veem são as que aparecerão em primeiro lugar sempre que publiquem conteúdos novos nesta opção. Por exemplo, eu vejo sempre as histórias da minha melhor amiga, portanto, sempre que ela publica uma história, o Instagram coloca-a em primeiro lugar para que eu não a perca.

É possível que, com o algoritmo do Instagram, muitos utilizadores não vejam as suas publicações tradicionais, mas as histórias são uma excelente maneira de se posicionar no quadrante superior das suas cronologias. É por isso que são tão eficazes na promoção, como explica o ponto seguinte.

2.- Para efeitos de promoção

Pode usar as histórias tanto para promover conteúdos novos em forma de imagens ou vídeos como para promover as transmissões ao vivo a partir da sua conta.

Como a promoção de publicações é uma informação que não requer demasiado rigor, as histórias são uma boa maneira de transmiti-las, para que o público as consuma com facilidade.

Para que a promoção seja eficaz, deve fazer uma chamada à ação e não presumir que os utilizadores deduzirão o que devem fazer com base na informação que lhes forneceu.

3.- Para redirecionar os utilizadores

Se tem uma promoção importante no seu e-commerce ou se publicou um novo post no seu blogue, existe também a opção de promover esta informação nas suas histórias.

É muito simples. Coloca uma imagem, texto, boomerang, vídeo ou o que lhe interessar mais e convida os utilizadores a fazer swipe (deslizar) para cima, de modo a redirecioná-los para a página de Internet que pretender. Tão simples quanto isso. Alguns exemplos de contas do Instagram que sabem utilizar esta opção especialmente bem são as contas da @cochinopop , @enews ou @tartecosmetics , entre outras.

Uso_Instagram_01

4.- Para saber a sua opinião

Outra das funcionalidades adicionadas em 2017 às histórias é a possibilidade de fazer questionários nessa mesma plataforma. É uma ferramenta tão simples quanto útil. Coloque uma pergunta a pedir a opinião dos seus utilizadores e eles poderão votar numa das duas opções que lhes apresentar.

As perguntas devem ser fechadas porque o Instagram só permite duas opções de resposta, mas estas não têm de ser simplesmente SIM ou NÃO, já que também pode incluir emoticons nas opções.

Os questionários só ficam disponíveis durante 24 horas a partir da sua publicação e pode ver as percentagens não só dos resultados mas também da participação, assim como a resposta de cada um dos utilizadores. Ou seja, não são inquéritos anónimos.

InstagramCampañas_02

5.- Medir

Não tem de ser o maior especialista em análise de dados do mundo com as histórias. Elas indicam a quantidade e a identidade dos utilizadores que ficaram a ver cada uma delas. Assim, poderá ficar a saber qual é o tipo de conteúdo que mais êxito tem entre os seus seguidores e quais são os conteúdos que decididamente não correspondem às suas expectativas.

O que torna as histórias mais apelativas é que, graças a elas, temos o dobro das oportunidades de aparecer aos nossos seguidores, sem necessidade de investir mais dinheiro em publicidade na plataforma. Se tem algum receio em começar a utilizar esta função do Instagram, atreva-se a sair da sua zona de conforto, porque vai ficar surpreendido com os resultados que pode alcançar graças à sua boa utilização.


Edith Gómez

Editora de Gananci

Deixe uma resposta

MENU
Leer entrada anterior
Forges nas suas próprias palavras

Uma das primeiras coisas que os leitores do EL PAÍS se habituaram a fazer todas as manhãs ao abrir o...

Cerrar