Aprender graças a milhões de dados

A2O_BigData_850

Foram gerados 1.600.000 dados pelos quase 1.000 alunos que andam a estudar álgebra com o A2O (a2o.santillana.com), a experiência de aprendizagem adaptativa desenvolvida pela Santillana que está a ser aplicada nas escolas de Espanha e da América Latina desde o mês de fevereiro.

Neste momento, há mais de 70 docentes localizados na Espanha, México, Argentina, Colômbia, Peru, Venezuela, El Salvador, Equador e Chile a explorar as possibilidades que lhes são oferecidas por esta ferramenta que cria, em tempo real, itinerários de aprendizagem personalizados para cada aluno graças à tecnologia do big data.

A2O_31 marzo 4

Os docentes, além de deterem o controlo sobre a experiência de aprendizagem, recebem informações valiosas sobre o desempenho dos seus alunos. Podem mesmo avaliar previsões sobre os resultados que serão obtidos por cada estudante.

A experiência piloto terminará no próximo mês de julho, quando a disciplina de álgebra tiver sido finalizada nos calendários escolares de todos os países latino-americanos.

Entretanto, podemos avançar algumas conclusões interessantes que, pelas palavras dos próprios docentes, apresentam já pistas sobre o valor deste sistema de aprendizagem:

  • O poder da convivência entre a aprendizagem personalizada e a colaboração entre estudantes: “Os meus alunos ajudam-se, esclarecendo as dúvidas que lhes surgem com o A2O.” Enrique, professor. Colégio Decroly (Madrid, Espanha).
  • O respeito pelo ritmo de aprendizagem de cada aluno. “Os conteúdos adaptam-se perfeitamente ao nível dos meus alunos.” José Luis, professor. Colégio Sagrado Corazón (Cáceres, Espanha).
  • O caráter inclusivo e de atenção à diversidade deste sistema. “O A2O tranquiliza os meus alunos de educação especial e aproxima-os das tecnologias.” Manuela, professora. Instituto de Ensino Secundário Fernando III El Santo (Córdova, Espanha).
  • A polivalência da utilização deste tipo de ferramentas: reforço, acompanhamento nas aulas, preparação de exames, etc. “O A2O ajuda os meus alunos na transição do ensino básico para o secundário.” Judith, professora. Colégio La Salle-Legazpi Ikastetxea (Guipúzcoa, Espanha).
  • O valor dos dados como uma ferramenta útil para os docentes e os benefícios que obtêm para o seu trabalho. “Com o A2O poupo o tempo que dantes dedicava a corrigir exercícios e que dedico agora a apoiar os alunos que requerem mais atenção.” Laura, professora. Colégio Humanitas (Madrid, Espanha).

A experiência piloto continua em marcha e as candidaturas continuam abertas até ao próximo mês de maio. Todos os que estiverem interessados em juntar-se ao projeto podem obter mais informações e inscrever-se através deste link: a2o.santillana.com/piloto

As conclusões definitivas serão conhecidas durante o mês de julho. Continuarão a ser as mesmas ou teremos alguma surpresa?

Deixe uma resposta

MENU
Leer entrada anterior
spam email
Os 8 mandamentos para não acabar na pasta do spam

Há três tipos de pessoas que trocam mensagens de correio eletrónico. Mas apenas um deles se dedica ao emailing. Dos...

Cerrar