Como manejar uma sessão de geração de idéias com o Stormboard em 4 simples passos

stormboard

Vivemos num processo de constante transformação generalizada que nos obriga a nos reinventarmos quase todos os dias. Por isso, quero mostrar-lhe uma ferramenta com a qual trabalho com a minha equipe para construir projetos especiais, nomes e conceitos de programas para Los 40 Principales e Máxima FM. Estou falando de www.stormboard.com, a ferramenta que lhe permite, sem custos, criar um brainstorming sem ter de convocar a equipe toda para o mesmo lugar à mesma hora, pelo que poderá trabalhar num projeto contando com colegas de zonas geográficas diferentes, o que, sem dúvida nenhuma, enriquecerá e otimizará o resultado final.

Entre as principais vantagens do Stormboard devo destacar que permite o seguinte:

  1. Selecionar modelos diferentes segundo o processo criativo que pretenda ativar.
  2. Convidar um máximo de 4 integrantes mais a figura do moderador, que será a pessoa encarregada de orquestrar a sessão.
  3. Ver em tempo real os movimentos na plataforma da sua equipe criativa.
  4. Enriquecer os post-it virtuais com fotos e vídeos.
  5. Segmentar as idéias com diferentes cores e lugares do modelo.
  6. Acrescentar comentários a cada idéia com o objetivo de construir desde a sua raiz.
  7. Votar uma idéia proposta por um membro da equipe.
  8. Criar relatórios com os resultados obtidos e partilhá-los.
  9. Gerar um quadro de controle da atividade do projeto.

Como manejar uma sessão de geração de idéias com o Stormboard em 4 simples passos

  1. FASE A

Defina os “como poderíamos”. Para definir os outputs com que trabalhar, faríamos uma primeira fase em que o objetivo seria criar perguntas que comecem por “como poderíamos…?”, em função do tema a tratar.

Por exemplo, se pretendo criar idéias para implementar no programa “Anda ya”, de Los 40 Principales, este seria o resultado de uma primeira fase:

-          Como podemos atrair ouvintes de um perfil mais jovem?

-          Como poderíamos criar uma experiência com base numa marca comercial?

-          Como poderíamos fazer um programa no exterior e chamar a atenção dos grandes meios?

-          Etc., etc.

Construa.- É completamente proibido fazer comentários negativos durante a sessão. Atrás de uma idéias aparentemente ineficaz, pode nascer uma idéia produtiva.

Participantes.- Seria ideal que os participantes fossem de diferentes departamentos e, já agora, de diferentes empresas e setores. São uma lufada de ar fresco para a sessão.

Se algum participante se desvia do rumo da conversa, deve ser o moderador a voltar a incluí-lo na dinâmica do jogo.

Se algum participante ficar em branco, ajude-o com perguntas simples, como “quando foi a última vez que esteve numa situação como a da pergunta?”. Quando ouvir algo original na sua resposta, convide-o a acrescentar um desenho ou foto da situação e aprofunde mais o assunto. Desbloqueará a sua mente e voltará a estar predisposto a construir.

Se algum participante dominar o grupo, recorde-lhe que os restantes também precisam de contribui e, de seguida, peça a outro membro do grupo que fale.

 

  1. FASE B

Coloque no Stormboard  um post-it virtual com cada “como poderíamos” num local diferente do painel (escolha um painel com vários quadros para segmentar).

Crie uma nova equipe de 4 pessoas (o máximo permitido pela versão gratuita) mais o moderador e comece gerando idéias sobre cada pergunta formulada nos post-it de forma ordenada, uma por uma.

comopodriamos

  1. FASE C

Ordene e resuma de maneira a que, mediante o consenso dos participantes, fique com as 3 melhores idéias.

  1. FASE D

Está na hora de retirar conclusões. A partir de aqui, saberá que direção tomar para alcançar os resultados estipulados.

Dani Aragón

Subdiretor de Los 40 Principales e Máxima FM |Spain

Deixe uma resposta

MENU
Leer entrada anterior
animation-animated-glitch-trippy-psychedelic-glitch-art-skate-skateboarding-what-processing-skater-datamosh-installation-arte-ollie-projection-mapping-colores-pixel-sort-arte-digitale-proyeccin
A arte digital… ou o digital na arte: novos públicos

«A ubiquidade da tecnologia digital e a sua crescente invisibilidade fazem com que pareça quase natural». Charlie Gere. Ξ Novos públicos, novas...

Cerrar