Como publicar no Tumblr

tumblr_850
Visto 14.908 veces

Tumblr é uma plataforma de microblogging que permite aos seus utilizadores publicar até 7 tipos de conteúdos num único espaço de blogue, de forma rápida e simples: textos, imagens, vídeos, conversas, ligações, citações e áudio, naquilo que a Internet denomina de tumblelogs. Os utilizadores podem “seguir” (follow) outros utilizadores registados e ver as entradas deles juntamente com as suas, à semelhança de outras ferramentas sociais.

Para abrir uma conta no tumblr, basta aceder ao link da plataforma e inserir os dados requisitados e, uma vez feito isso, poderá começar a personalizar o seu sítio, colocando um título, um fundo de perfil, um formato de imagens e todos os elementos relacionados com a parte visual deste espaço, como vamos ver passo a passo.

Para criar um blogue no tumblr, basta preencher o primeiro formulário com o seu endereço de correio eletrónico, a palavra-passe e o endereço (url) do tumblr, que pode ser inventado por nós, algo como “xxx.tumblr.com”, e que depois podemos alterar se tivermos um domínio próprio que queiramos incluir.

Crie a sua primeira publicação

Uma vez no Tumblr, a primeira coisa que vemos na parte superior da página são vários ícones que correspondem ao tipo de artigo que queremos publicar:

  • Texto: É o mais parecido com o post tradicional e permite acrescentar um título, um texto sem limite de carateres, alterar o formato e incluir imagens no texto.
  • Foto: Podemos subir fotografias em formato JPEG, GIF, PNG e BMP até 10 Mb de tamanho ou incluir fotografias já disponíveis na Internet.
  • Citação: Para publicar pequenos posts ou citações, sendo que devemos identificar a fonte ou o autor das mesmas. Surgirão no ecrã num formato especial.
  • Ligações: Aqui, publica-se o endereço de uma página, ao qual acrescentaremos um título e, se acharmos necessário, uma descrição que queiramos incluir juntamente com o link.
  • Chat: Aqui, podemos iniciar uma conversa ao estilo do chat e sugerir um tema de conversa ou fazer uma pergunta para que os outros utilizadores participem.
  • Áudio: Só permite subir um arquivo de áudio por dia, sendo que deve ser inferior a 10 Mb e num formato MP3 do qual tenhamos direitos de autor. Também podemos publicar áudio a partir de um link externo e reproduzi-lo em streaming, mas não será suportado pelo tumblr.
  • Vídeo: É possível incluir URLs de páginas de partilha de vídeos, como o YouTube ou o Vimeo, ou então códigos “embed”, à semelhança de qualquer sítio com vídeo / flash.

Personalize o seu tumblr

Ao pé das opções de tipos de artigo, podemos encontrar a opção de “Personalizar Aparência”. Aqui, podemos dar um título ao nosso blogue, acrescentar uma descrição, selecionar uma cor de fundo e os tipos de letra que mais nos agradarem, colocar uma imagem ou um cabeçalho previamente concebido. Também podemos optar por um dos temas predefinidos que o sítio apresenta na sua galeria, a escolher entre categorias de formato, gratuitos ou até mesmo premium.

Nesta secção, podemos também criar páginas novas e ativar funções avançadas como o limite de publicações por página, a possibilidade de otimizar o design para telemóveis, permitir URLs descritivos que acrescentam um pequeno resumo com duas ou três palavras retiradas da publicação no final do dito URL.

A seguir às opções de publicação, aparecem todos os posts dos nossos amigos, colocados por ordem de data de publicação, apresentando-se como um leitor de tumblrs.

Explore o tumblr

Quanto à faceta social do tumblr, o sítio apresenta características como os botões para seguir / deixar de seguir o tumblr de outros utilizadores e, se clicarmos diretamente no link de uma publicação em concreto, surgirão outros dois ícones: um coração para classificar e marcar os conteúdos, se forem do nosso agrado, e o botão reblog, que permite copiar todo o formato e conteúdo de uma publicação e assim criar a nossa própria publicação a partir de uma já criada, sendo que é isso o que dá sentido aos tumblelogs.

No painel de amigos, podemos ver todos os utilizadores que seguimos e os que nos seguem. Podemos também ver as suas atividades mais recentes e eliminar os utilizadores que já não temos interesse em seguir.

Na opção “Explore o tumblr“, é possível ver, como recomendação, os últimos artigos e utilizadores que mais atividade ou aceitação têm alcançado com os seus tumblrs. Surgem em formato de mosaico com imagens e, mais abaixo, numa lista em que são classificados por etiquetas como: populares, opinião, atividade e editores em destaque.

Para os que querem mais

  1. Google Analytics no tumblr: Permite contabilizar o número de visitas.
  2. SEO no tumblr: Permite colocar o seu blogue nos motores de busca.
  3. Share no tumblr: Permite publicar qualquer conteúdo que encontre na rede com um simples clique.
  4. Incluir comentários no seu tumblr: Permite criar uma zona para que os outros utilizadores lhe enviem comentários.

Lembre-se que o aspeto mais significativo do tumblr é o facto de lhe permitir criar e gerir o seu próprio espaço de microblog na Internet de forma rápida, simples e compatível com outras redes sociais.

Deixe uma resposta

MENU
Leer entrada anterior
architetture
Transmedia, a evolução da leitura

Quando éramos crianças muitos de nós tivemos um livro no qual se podia escolher como continuar a história e, de...

Cerrar