Como ser Jean-Claude Van Damme…

Viral Concept

Ou, pelo menos, conseguir mais de 70 milhões de visionamentos no YouTube?

Há três meses, um dos vídeos da campanha de marketing da Volvo Trucks conseguiu desde o primeiro dia ser publicado pelos usuários nas redes sociais, ser partilhado por e-mail entre amigos e ser falada em todo o mundo. Tornar um vídeo viral não é tarefa fácil. A maioria dos conteúdos publicados na famosa rede de vídeos do Google recebe muito poucas visitas. Cerca de 30% não alcança mais de cem visualizações.

Muitos acreditam que a sorte pode jogar a favor de um conteúdo do YouTube, mas nada podia estar mais longe da realidade. Para que a rede fique contagiada pelo ‘vírus’ de uma marca, é necessário uma série imprescindível de pontos-chave.

Para compreender o fenómeno dos vídeos virais, vamos analisar as características do vídeo do especialista em artes marciais, Jean-Claude Van Damme, que a Volvo Trucks lançou.

Contar uma boa história. O storytelling é fundamental para conseguir captar a atenção do público e criar uma ligação com ele. Utilizar bem os princípios da narração. Jean-Claude Van Damme fala na primeira pessoa, olhando diretamente para a câmara, narra os seus sentimentos, conta os altos e baixos por que passou e envolve-nos nas suas vivências com um belo pôr-do-sol como fundo.

Produto. A marca e o produto têm de se posicionar de forma inteligente no vídeo e saber claramente o que se quer transmitir. Neste caso, a estabilidade e a precisão dos camiões da Volvo era o que se queria transmitir e a concretização do seu objetivo foi um verdadeiro êxito. Se procura estabilidade, não compraria este camião?

Qualidade de produção. Há que prestar atenção a todos os detalhes numa produção e este vídeo é de boa qualidade. Quase todos os vídeos que se tornaram virais são profissionais.

Criatividade e originalidade.
A ideia é muito importante. A abordagem tem de ser criativa e muito original para conseguir chamar a atenção.

Fator surpresa. Relacionado com o ponto anterior, é preciso abalar a mente do espectador. Há que mostrar que, até aquele momento, nunca se viu nada assim. O vídeo em questão contém um grande fator surpresa, pois não se espera que o famoso ator faça a sua célebre espargata em cima de dois camiões, em marcha atrás. É o mais difícil até agora.

Brevidade. Com o êxito de plataformas de vídeos em segundos como o Vine e o Instagram, não se deve pretender realizar vídeos de longa duração ou com uma duração em minutos concreta. O vídeo dura pouco mais de um minuto. 77 segundos em que não sobra nem falta nenhum elemento.

Pessoa conhecida. Envolver uma pessoa influente num determinado campo é uma das formas de captar um maior número de espectadores. A Volvo escolheu uma personalidade muito reconhecível (goste-se ou não) e que passa fronteiras.

Banda sonora. A música escolhida pela Volvo é a conhecida canção Only Time, de Enya, que dá um toque poético à produção. Faz parte do álbum ‘A Day Without Rain’, o mais vendido da cantora irlandesa.

Expectativas para a difusão. Para criar a espiral de viralidade deste vídeo, uns dias antes, a Volvo lançou outro (que alcançou mais de quatro milhões de reproduções) em que se propunha e explicava o desafio a Jean-Claude Van Damme. Não se sabia exatamente o que iria acontecer, mas conseguiram plantar a semente da expectativa.

Um bom título. Volvo Trucks: The Epic Split feat Jean-Claude Van Damme. As palavras ‘épico’ e ‘espargata’, além do nome do famoso ator, aparecem no título. Basta ler o título para ficar com vontade de ver o vídeo.

É possível que os criadores desta campanha também não imaginassem o êxito avassalador que conseguiram alcançar. Os vídeos virais são assim, imprevisíveis.

E se ainda não acredita, veja a paródia do vídeo que foi feita este Natal. Por muitos malabarismos que tenha feito, Chuck Norris não conseguiu superar Jean-Claude Van Damme, obtendo apenas 22 milhões de visualizações. :)

Deixe uma resposta

MENU
Leer entrada anterior
Russian doll family
TechnoLoly: como criar uma app amadora para uso profissional

Queria apresentar-lhe a nossa aplicação,  TechnoLoly. Está enfocada no apoio ao ensino e à aprendizagem da disciplina de Tecnologia do primeiro ano...

Cerrar