Sim, o tamanho importa na segunda tela

Media Screens

Ou pelo menos é o que afirma um inquérito recente publicado pela Nielsen sobre o consumo de vídeos digitais a nível global. O vídeo triunfa, é muito apreciado e difunde-se rapidamente, o que representa uma boa oportunidade tanto para as empresas de televisão e de produção audiovisual como para o setor do marketing, se bem que ambas as partes têm de estar muito atentas às mudanças.

As conclusões a que a Nielsen chegou relativamente ao grosso da população mundial consumidora de vídeos (30.000 inquiridos de 60 países) são fundamentais para compreender não só o que o usuário prefere, mas também onde consome e em que dispositivos. De fato, 55% dos entrevistados afirmam que os audiovisuais são uma parte importante das suas vidas.

Noutro estudo também da Nielsen, Screen Wars: a guerra pelo olhar do telespectador, se mostra que, na luta pelo domínio audiovisual, é o usuário que detém o poder e que sabe como o utilizar através da tecnologia que tem à mão, quando e onde quer.

TV-everywhere-image

Conceitos como multiplataforma ou multidispositivo já fazem parte do nosso entretenimento quotidiano, tendo em conta as inúmeras telas de que dispomos: os tablets, computadores pessoais, celulares, consolas de jogos e, claro está, a televisão.

O resultado do inquérito é surpreendente, porque a tendência global é visualizar os conteúdos em telas grandes, pelo que a televisão, que parecia ter sido exilada, continua tendo mais importância do que pensamos e 63% dos inquiridos estão de acordo com isto, apesar do fato de ter de partilhar os momentos de lazer com os dispositivos que temos no bolso, já que seis em cada 10 inquiridos a nível global (59%) veem a programação de vídeo no seu smartphone e mais de metade (53%) no seu tablet.

8637-digital-landscape-wire-visual-apr-1

Vejamos agora as diferenças a nível regional: os inquiridos da região da Ásia e do Pacífico (72%) lideram o consumo de conteúdos visuais através do celular, ao passo que no Médio Oriente e África (70%) se mantém firmemente a crença de que, no que toca à visualização, “quanto maior, melhor”.

Deixe uma resposta

MENU
Leer entrada anterior
soyinfluencer
#YoSoyInfluencer

Os Tecno Twitteros de Los 40 Principales, o trio composto por Pedro Aznar, Jonathan Castilla e Alex Padilla, são os...

Cerrar