É preciso vigiar os jornalistas?

ニュース
Visto 5.061 veces

Há uns dias, o jornal diário francês Le Monde nos surpreendeu com uma notícia sobre a existência de uma ferramenta que controla a qualidade do trabalho dos jornalistas.

Será que já não confiam em nós? A verificação ou o fact checking se está impondo cada vez mais nas redações como uma disciplina do jornalismo. Nesse sentido, o artigo do Le Monde nos fala da Trooclick, uma nova ferramenta que permite aos seus usuários verificar informações financeiras. O sistema funciona com certos tipos de conteúdos dos grandes jornais de economia como The New York Times ou Wall Street Journal, de agências como a Reuters ou a Bloomberg e de páginas especializadas em finanças.

O presidente da Trooclick, Stanislas Motte, assegurou que 45% dos artigos econômicos analisados pela sua ferramenta contêm pelo menos um erro nos dados publicados. Chegaram mesmo a encontrar sete erros num só artigo.

O funcionamento da aplicação é fácil: digitaliza o artigo, recorta-o, analisa-o linguisticamente tendo em conta o contexto, extrai os números importantes e, por último, compara-os com dados oficiais publicados em páginas de referência. Se encontrar dados errados, mostra-os em tempo real sobre a mesma página e inclui a informação correta.

Por enquanto, só está disponível para Firefox, mas ficará brevemente compatível com o Chrome e o Safari. Além disso, apenas verifica informações de páginas escritas em inglês.

A acumulação de números e dados que a sociedade digital gera precisará cada vez mais de ferramentas deste tipo. É humanamente impossível confirmar toda a informação difundida e os jornalistas terão de confiar mais nessas ferramentas para verificar conteúdos que dificilmente poderão ser checados manualmente. Assim, haverá uma maior tendência para publicar artigos verdadeiramente fiáveis.

Deixe uma resposta

MENU
Leer entrada anterior
japos
Olá, sou um robô

Se você for ao Museu Nacional de Ciências e Inovação de Tóquio, não fique surpreendido se for recebido por um...

Cerrar