As 8 tendências que impulsionarão o mercado digital em 2016

using smart phone

Por mais um ano, Pepe Cerezo, da agência Evoca Media, traz-nos o seu sempre acertado prognóstico das tendências que dominarão o mercado digital nos próximos meses.

É verdade que o mundo digital está já totalmente enraizado na sociedade, mas é também uma realidade que este mundo muda e metamorfoseia-se continuamente, sendo por isso que diversos elementos entram e saem da cena tecnológica. Cerezo compila estas 8 tendências:

1. Adbloking ou bloqueio de publicidade

O utilizador quer escolher e já aprendeu a fazê-lo. Os bloqueadores de publicidade, cada vez mais utilizados, são um obstáculo ao futuro da publicidade online, que terá obrigatoriamente de procurar outros métodos para oferecer os seus produtos. Talvez este seja o caminho para instaurar finalmente outro tipo de publicidade, mais amigável e próxima.

2. Block Chain ou cadeia de blocos

Parece garantido que a block chain, a tecnologia que sustenta o Bitcoin, se tornará o padrão de todas as moedas virtuais e de outras aplicações, como contratos inteligentes ou dinheiro programável, uma vez que as moedas podem ser programadas para que o pagamento só seja efetuado mediante o cumprimento de uma determinada condição do contrato.

3. Data Management Platform ou Plataformas de Gestão de Dados

As DMP (Data Management Platform ou Plataformas de Gestão de Dados) recolhem dados de utilizadores através de cookies que permitem segmentar as audiências para personalizar a publicidade e fazer com que seja mais eficaz.

4. Fintech

Chegou o momento de reinventar a cadeia de valor dos serviços bancários e financeiros, o que se tem vindo a denominar como “a banca sem bancos”. Está na hora de oferecer soluções simples a utilizadores menos tradicionais e mais habituados a utilizar o telemóvel, com o objetivo de melhorar a experiência do cliente.

5. Publicidade Móvel

Fica confirmado o uso massivo e generalizado do telemóvel que, a partir de agora, não tem alternativa senão crescer mais. O que fica ainda por saber é se este será o ano do arranque definitivo da publicidade móvel, uma vez que o seu grau de implementação continua a ser pequeno.

6. Plataformas de distribuição de conteúdos

Facebook Instant Articles, Apple News, Snapchat Discover ou a mais recente aliança entre o Google e o Twitter e a criação do formato APM são iniciativas nascidas ao longo de 2015 que estão já a transformar os modelos de distribuição da informação do futuro e a que os meios de comunicação social tradicionais acabarão por se juntar, como já aconteceu com o jornal The Washington Post e as suas publicações no Facebook Instant Articles.

7. Realidade virtual e hologramas

O setor do entretenimento vai sofrer uma mudança dramática com a inclusão da realidade virtual, área em que dispositivos como o Oculus Rift contribuíram para o seu rápido desenvolvimento. Todas as grandes empresas do setor, como a SONY, a HTC ou a Microsoft vão mergulhar de cabeça neste segmento tecnológico que ainda está por quantificar.

8. Viewbility ou visibilidade

À medida que o vídeo se for consolidando como um dos suportes publicitários mais importantes do mercado, tornar-se-á necessário medir a sua eficácia com mais precisão. É por isso que a visibilidade do anunciante será uma das prioridades das empresas que investem em marketing.

EVOCA_Pepe_Cerezo_Tendencias-2016

Deixe uma resposta

MENU
Leer entrada anterior
GrandesProfes2016_01
Esta é a fórmula do êxito educativo e pessoal: v = (c+h) x a

Atitude, atitude… e atitude Mais de 1500 docentes assistem à sessão matinal de "Grandes Profes", um encontro inspirador organizado pela...

Cerrar