O que fazer para aumentar as vendas do meu negócio?

Finalmente, mergulhámos de cabeça! Sim, o nosso sonho de criar um negócio já foi realizado e estamos a transbordar de alegria. Custou a chegar até aqui, passámos muitas horas a pensar na ideia, fizemos muitos sacrifícios e canalizámos todas ou parte das nossas poupanças para um projeto com o qual sonhávamos há meses ou até mesmo anos. Mas isso é-nos indiferente porque todo o trabalho e sacrifício tem a sua recompensa e isso é gratificante, e porque somos apaixonados pelo que fazemos.

Conseguem identificar-se com estas emoções? Parece tudo muito bonito, não é verdade? Mas quem está em plena aventura empreendedora sabe muito bem que nada é tão fácil como dão a entender.

Aventuramo-nos no mundo empresarial, mergulhamos nele, mas ficamos com a sensação de que nunca é suficiente, queremos sempre aprender mais e inovar com novas técnicas, porque ter uma página de Internet já não basta, assim como estar nas redes sociais sem uma estratégia bem definida, e utilizar os descontos como publicidade já não tem o impacto que tinha dantes. Então, como podemos aumentar as vendas no nosso negócio?

O tema dos descontos é algo que me chama a atenção. Fazer descontos se o negócio o permite é fantástico e fazê-lo no momento adequado é ainda melhor (Natal, Dia do Pai, Dia da Mãe, clientes VIP…). O problema que deteto é que alguns negócios se concentram única e exclusivamente nos descontos como a maneira primordial de chegarem aos seus clientes, como se não existissem outras técnicas. Porém, o segredo está em desenvolver uma estratégia e definir que ações levar a cabo para captar novos clientes e fidelizar os que conquistamos.

Vejamos algumas técnicas de promoção que existem e determinemos quais podemos aplicar ao nosso negócio:

· Descontos. Os descontos devem aplicar-se a determinados produtos e por um breve período de tempo. Muitos optam por usar uma contagem das horas que faltam para acabar a promoção ou especificar o número limitado de produtos ainda em stock, sendo ambas as estratégias uma forma de acelerar o processo de venda e criar a sensação de urgência. Não é recomendável abusar desta prática e é preciso fazê-lo corretamente, uma vez que o seu mau uso pode provocar desconfiança por parte do cliente.

· Produtos gratuitos. Trata-se de oferecer um produto na compra de outro. Normalmente, as marcas utilizam esta estratégia quando o cliente ultrapassa uma quantia considerável de dinheiro e aproveitam para oferecer outro produto de menor valor que queiram promover, o que será muito apreciado pelo cliente.

· Demonstrações. Todos gostamos de experimentar o produto antes de o comprar, para ficar a conhecê-lo melhor e saber que funcionalidades tem e quais são as suas vantagens. Estas demonstrações são feitas sobretudo com dispositivos eletrónicos como computadores, tablets ou smartphones.

· Amostras de produtos. Quem não gosta de receber uma amostra grátis para saber como é o produto? Esta é uma técnica muito utilizada na cosmética, em que o cliente tomará a sua decisão final graças a essa amostra. Se cheirar o perfume e gostar, é certo que irá comprá-lo.

· Diferentes alternativas de pagamento. Dá-se ao consumidor a oportunidade de pagar em prestações. Costumam ser produtos de elevado valor monetário.

· Eventos. Palestras, conferências, o que for preciso para atrair o público-alvo. Oferece-se informação com valor e, em troca, cria-se mais confiança.

· Sorteios. Esta tática é bem-sucedida se os produtos sorteados forem de interesse para o público.

· Programas de fidelidade. Esta prática faz com que o consumidor volte a comprar na loja. Os clientes recebem pontos pela sua fidelidade e, quando completam o cartão de pontos, é-lhes dada uma recompensa.

· Lotes de produto. Consiste em colocar um conjunto de produtos a um preço mais baixo do que comprassem os mesmos produtos individualmente.

Mas de que forma promovemos tudo isto? Fazer todas estas coisas é muito aconselhável, mas se o cliente não for informado, de que nos serve?

Podemos dar visibilidade à promoção ou ao que quisermos comunicar ao nosso cliente através dos seguintes meios: um banner na página de Internet ou fazendo uma campanha no Google adwords; as redes sociais são uma das minhas estratégias preferidas, porque têm um grande alcance e são um meio gratuito ou de baixo investimento; o email marketing, enviando uma newsletter a todos os assinantes com a promoção (é importante certificarmo-nos, antes de a enviar, que temos os contactos dos clientes ou potenciais clientes); a comunicação entre o vendedor e o cliente, em que o vendedor tem o dever de informar o cliente da promoção; e não nos podemos esquecer da estratégia offline (cartazes, posters) na loja ou fora dela.

Qual é a vossa opinião sobre estas técnicas de promoção? Quais acham que funcionam melhor?


Edith Gómez
Editora da Gananci.
Twitter: @edigomben

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

MENU
Leer entrada anterior
EL PAÍS e a noite de eleições

A noite de eleições foi o pretexto para, pela primeira vez, o EL PAÍS realizar uma cobertura televisiva em que alcançou uma audiência...

Cerrar