Toyoutome

Inspirate

toyoutomeinspirate

O Melhor de 2012

É provável que o último número em papel da revista Newsweek seja o marco de 2012 que melhor represente a profunda transformação no meio digital que está a viver o setor dos meios em todo o mundo.

O que virá em 2013

Hoje falamos muito de big data e falaremos mais em 2013. Mas o mais interessante não é a quantidade de informação a que acederemos, mas sim em que medida seremos capazes de a utilizar corretamente para criar valor para os nossos leitores, usuários ou clientes.

Lo mejor del 2012

Na sequência do movimento 15M e dos protestos em Wall Street, em 2012 as redes sociais voltaram a marcar o ritmo das notícias. O 25 de setembro já não foi uma surpresa, mas sim o fenómeno que se seguiu ao embrião: uma cobertura completa, em tempo real e multimídia.

Lo que vendrá en 2013

As apps melhorarão cada vez mais o trabalho dos jornalistas, mas em 2013 devemos otimizar a sua utilização, não só para criar e enviar informação, mas também para filtrar, selecionar e ordenar tudo o que acontece na Internet, a nova rua.

Lo mejor del 2012

A utilização dos tablets na sala de aula trouxe uma mudança interessante no ambiente escolar, principalmente para o professor que deve usar as tecnologias de maneira equilibrada e com objetivos claros.

Lo que vendrá en 2013

Com a evolução digital precisamos mudar as tradicionais formas de aprender e de ensinar. A educação necessita de mudanças, tanto na formação do professor quanto nas propostas pedagógicas para atender o aluno de hoje e do futuro.

Lo mejor del 2012

A reinvenção se disfarça frequentemente de atualizações. As novas tarifas de direitos musicais não resolvem o problema da indústria tradicional, mas o pior é que os novos players perdem mais quando mais triunfam. Pandora, Spotify, Sonora… esse negócio existe realmente? Ou também tem de ser reinventado?

Lo que vendrá en 2013

2013 será o ano das renegociações de diretiso. Toda a indústria musical e meios relacionados com ela estão redefinindo o seu futuro digital. E a luta tem nome próprio: interatividade. Custos de direitos insuportáveis para algo sem o qual é impossível imaginar o futuro digital da música. Belo dilema.

Lo mejor del 2012

Ano pródigo na evolução da integração entre a televisão e o digital. Fusão de redações, consumo simultâneo, programas na emissão criados a partir de conteúdo digital, propostas comerciais integradas são exemplos de uma transformação que acelera agora.

Lo que vendrá en 2013

Prevemos mais mudanças na adaptação do conteúdo à realidade multiplataforma – uma novela de televisão aberta, cujo episódio de amanhã está disponível para comprar na box, com entrevistas às personagens na Connected TV, votação online em tablet

Lo mejor del 2012

As superproduções nos videogames para celulares já são uma realidade e não se limitam apenas a pequenos programas. Depois de ter vendido 100 milhões de Wii, a Nintendo lançou a sua sucessora, que incorpora uma tela tátil em forma de tablet.

Lo que vendrá en 2013

Mudança geracional após sete anos. A Microsoft e a SONY apresentaram o futuro: as sucessoras da PlayStation 3 e Xbox 360. 2013 será testemunho de como os videogames marcam um novo registo visual aproveitando as capacidades da mais recente tecnologia.

Lo mejor del 2012

A capa social converteu a rede num cenário de relação direta entre pessoas sem necessidade de tradutores e, para além disso, se tornou ubíqua. Agora é sempre você: o que consome, o que compra, onde está, o que o apaixona e o que recomenda.

Lo que vendrá en 2013

Inauguramos a era dos dados e dos cortes. A partir de agora triunfarão os que conseguirem distinguir e digerir uma quantidade infinita de informação, e os que souberem integrar diferentes ferramentas e serviços.

Lo mejor del 2012

O truque da mobilidade é aproximar o produto do usuário, e aproximação ao usuário multiplica exponencialmente o seu sucesso. O Yomvi encurta a distância entre o usuário e o Canal+. É um sucesso de downloads no iPad e o seu consumo é superior ao iPlus.

Lo que vendrá en 2013

O truque do Yomvi é colocar o produto nas mãos do usuário, e em 2013 o desafio será a proliferação de telas móveis de todos os tamanhos e a interação entre elas, como segundas ou terceiras telas. E o Yomvi estará presente…

Lo mejor del 2012

Para além do triunfo da "pornografia para mães", com fenômenos como "As cinquenta sombras de Grey", a união com a Internet foi essencial para o livro: autoedição, exclusivos digitais, romances por encomenda, ebooks enriquecidos, serviços de subscrição, crowdfunding...

Lo que vendrá en 2013

O ruído nas redes sociais e a batalha pelos seus direitos pressagia um novo boom literário global, a que muitos já chamam o "Millenium suíço". "A verdade sobre o caso Harry Quebert", de Joël Dicker, será o romance de cortar a respiração em 2013.

Lo mejor del 2012

O imparável crescimento do e-commerce em qualquer dispositivo que superará, a nível mundial, os 963 mil milhões de dólares em 2012 (eMarketer), o notável desenvolvimento dos sítios de descontos e a abertura a novos mercados ".com" das empresas offline.

Lo que vendrá en 2013

A eclosão definitiva do comércio móvel pelas suas vantagens em termos de imediatismo, segurança, privacidade e compras geolocalizadas, o desenvolvimento do comércio nas redes sociais e a especialização para competir com gigantes como a Amazon, Google, etc.

Lo mejor del 2012

Deu-se o vaticinado boom da mobilidade, muito impulsionado pelo desenvolvimento de aplicações. Começam surgindo perguntas: serão as aplicações a nova forma de acesso a conteúdos em movimento? Voltaremos às plataformas fechadas? Onde está o meu dinheiro?

Lo que vendrá en 2013

O desenvolvimento de apps abrandará em favor das webs líquidas. O Android continuará a ganhar quota de mercado ao iOS. Na publicidade, o branding continuará perdendo força face à performance. Se produzirão novos avanços em modelos de pagamento por conteúdos mais criativos e flexíveis: experiência e erro, não há outra forma.

Lo mejor del 2012

A situação econômica obrigou os anunciantes a ser mais criativos na hora de destinar os seus orçamentos. Por isso, as ações especiais e projetos multimídia ganharam relevância nos budgets publicitários.

Lo que vendrá en 2013

O objetivo/exigência das marcas é que a criatividade das suas campanhas publicitárias tenha suporte editorial para criar mais valor para o cliente final. A linha que separa a comunicação da publicidade se estreitará, e 2013 será o ano do Branded Content.

Lo mejor del 2012

Em 2012, foi aprovada em toda a Europa a norma sobre Privacidade que mudará de forma determinante o modelo de negócio da Internet e a relação que os meios de comunicação online têm com os seus usuários.

Lo que vendrá en 2013

Procurando o equilíbrio entre o direito fundamental à privacidade dos usuários e o crescimento da indústria online, a privacidade será tão relevante como a tecnologia e os conteúdos para a definição dos novos modelos de negócio na Internet em 2013.

Lo mejor del 2012

Em 2012 o aumento do uso das redes sociais, dos serviços na nuvem e alguns casos como a filtragem de palavras-chave de milhares de usuários do DropBox e LinkedIn fizeram com que a percepção de privacidade no meio digital se alterasse.

Lo que vendrá en 2013

Um dos desafios mais importantes para 2013 em termos de segurança será proteger os nossos dispositivos móveis, onde o aumento de malware será exponencial e teremos de nos acostumar a sistemas anti-malware semelhantes aos dos PCs.

Lo mejor del 2012

Em 2012 partiu o grande líder, partiu Guardiola, que tinha o melhor estilo de liderança do futebol espanhol. Mas a aposta na formação, a sua humildade e ser "o homem da casa" fizeram escola. Essa escola é agora a melhor base de Tito Vilanova.

Lo que vendrá en 2013

Mourinho é o para-raios da sua equipe. Provoca, passa cheques e é toda uma rock star internacional. Ambos, no entanto, têm algo em comum: o líder do séc. XXI não é forte pelo seu poder, mas sim por saber tirar o melhor de cada elemento da sua equipe.

Lo mejor del 2012

Ouvimos música, muita música, de todos os géneros e num número crescente de plataformas, e confirmámos que o YouTube é a plataforma preferida dos usuários para ouvir música on demand, muito mais do que as opções óbvias como o Spotify ou o Pandora.

Lo que vendrá en 2013

Assistiremos ao surgimento de mais serviços e conteúdos de áudio online, impulsionados por um crescente consumo a partir de dispositivos móveis, uma maior participação dos usuários e uma melhoria das condições nas negociações de direitos de autor.